O primeiro-ministro do Nepal, Sushil Koirala, decretou hoje (28) três dias de luto nacional em memória das vítimas do terremoto que atingiu o país no sábado (25) e provocou pelo menos 5 mil mortes.

“Em memória dos nepaleses, dos irmãos e das irmãs estrangeiras, dos idosos e das crianças que perderam a vida no sismo, decidimos observar três dias de luto nacional a partir de hoje”, disse Sushil Koirala, durante pronunciamento transmitido pela televisão, no qual agradeceu aos doadores internacionais que prestaram ajuda ao povo nepalês.

Segundo o mais recente balanço do Ministério do Interior nepalês, o número oficial de mortes confirmadas é 5.057. Existem, até o momento, mais de 450 mil desalojados. O tremor, de magnitude 7,8 na escala de Richter, deixou 10.915 mil feridos, disse o responsável pelo departamento de gestão de catástrofes do governo nepalês, Rameshwor Dangal.

O abalo foi sentido em outros países, como Índia, Bangladesh e China, e provocou avalanches no Himalaia. Quase 100 repetições do tremor, com uma intensidade que oscilou entre 4 e 6 graus na escala de Richter, foram sentidas depois do terremoto.

As operações de resgate no Nepal são difíceis por causa das más condições tempo e pela carência do país asiático para responder a um desastre de grandes dimensões.

Nova avalanche deixa 250 desaparecidos no Nepal

Cerca de 250 pessoas estão desaparecidas depois de uma avalanche atingir um vilarejo numa área de trilhas ao norte de Katmandu, no Nepal, nesta terça-feira (28/04), afirmou o governador distrital Uddhav Bhattarai. Turistas estrangeiros podem estar entre os desaparecidos.

A avalanche atingiu o vilarejo de Ghodatabela, no distrito de Rasuwa, por volta do meio-dia (horário local). O vilarejo fica a cerca de 12 horas de caminhada da cidade mais próxima e integra uma popular rota de trekking.

Segundo Bhattarai, a área atingida fica num parque muito popular entre os turistas. O mau tempo e a chuva estão atrapalhando os trabalhos de resgate, acrescentou. Um funcionário do governo local disse que as primeiras informações sobre a avalanche foram passadas por telefone, mas o contato se perdeu logo depois.

Com informações da Agência Brasil e DW.

+

Anuncie Gratuitamente

Imóveis, Vagas de Emprego, Negócios e Serviços. Anuncie Gratuitamente no Portal Jundiaí.

É rápido, é fácil e dá resultado.
Ta esperando o quê?

Anuncie Já!